CIDADE DO ROCK 2019 é apresentada em evento teste!

A Cidade do Rock está gigante! Só vendo de perto é possível ter noção da magnitude que o Rock in Rio imprimeRock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATORIO_ 24_9_19 em suas dimensões. A Rock Press esteve nesta terça-feira, (24/09) no evento teste da oitava edição do maior festival de música do Brasil. A festa contou com coletiva de imprensa, shows de Elza Soares, A Banca 021, Cacife Clandestino, Nós do Morro e do Afroreggae. Na apresentação foi possível vivenciar a liberdade, a diversão e o sempre emocionante show pirotécnico no Palco Mundo pra fechar.

CIDADE DO ROCK 2019 é apresentada em evento teste!
TEXTO: Cadu Oliveira – FOTOS: Michael Meneses e VER+ Fotografias

Quando a área VIP do evento começou a receber os primeiros convidados da imprensa, já dava pra ouvir a passagem de som Coletiva_Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19de “a carne mais barata do mercado é a carne negra”, vindo do palco Sunset. Antes de qualquer apresentação musical, aconteceu um espetáculo gastronômico. O buffet Capim Santo ficou responsável por alimentar a tropa de jornalistas e fotógrafos e, para isso, mobilizou cerca de cinquenta chefes de cozinha empenhados na missão de servir cardápio variado de massas e saladas.

O termo “Cidade do Rock” se aplica, de fato. Basta imaginar que durante cada um dos dias de evento cerca de 100 mil pessoas estarão por lá, trabalhando ou consumindo em prol da música. Na avaliação de Roberta Medina, vice-presidente do RIR, “esse ano apesar de o espaço ser maior, diminuiu a distância entre as atrações, dando a impressão de que a cidade está menor”, disse durante a coletiva, lembrando ainda que “Rock in Rio também é saúde... tem que andar muito”, brincou.

Mas tem mesmo! São quase duas dezenas de espaços diferentes de apresentações culturais, entre palcos e arenas. Soma-se Coletiva_Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19a isso uma variedade de cinquenta e nove stands voltados a alimentação espalhados por toda extensão do evento. E no mais, o glamour de lojas, placas, concessionárias e estabelecimentos publicitários, fazem o festival parecer uma verdadeira cidade... dos sonhos.

“Essa é a primeira vez que olho a Cidade do Rock e digo que não tem nada a acrescentar”, declarou Roberto Medina, estreando sua participação na coletiva. Ele aproveitou também para avisar que o “Rock in Rio é um alerta de esperança”, mostrando como o evento representa o exemplo de que é possível fazer florescer entretenimento e empreendedorismo em uma cidade como o Rio de Janeiro, que constantemente versa com a miséria.

Nesta oitava realização, o festival conta com uma homenagem singela à primeira edição, de 1985. Um gigante tênis All-star cheio de lama está belamente exposto, assim como o cartaz que simula a chamada da época: “Rock in Rio – 90 horas de música e paz”. Este ano o tempo de paz e música aumentou consideravelmente e deve alcançar a marca de 600 horas! Isso porque são, ao todo, dezessete espaços de atrações, seis a mais que na edição anterior.

São 385 mil metros quadrados de alegria que contam, inclusive, com montanha-russa, tirolesa e roda gigante. A cidade do Rock ficará aberta das 14 às 4 horas da manhã e está mais do que preparada para receber grandes nomes da música local e mundial, nos próximos dias 27, 28 e 29 de setembro e 3, 4, 5 e 6 de outubro, no Parque Olímpico da Barra - RJ.

Aperitivos Sonoros...
A_Barca_021_Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19No palco Supernova foi possível assistir a apresentação da A Banca 021 e do grupo de rap Cacife Clandestino. Morgado, músico atuante há tempos no movimento underground, fez participação no show da “Banca” e disse que “foi muito foda. O som está absurdo. Melhor som que já toquei na vida. Nunca tinha vindo a um Rock in Rio. É uma honra Cacife_Clandestino_Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19poder representar o subúrbio aqui”, defendeu. Na sequência o MC Felp, do Cacife, acendeu a plateia para um fim de noite agradável, cantando nove músicas do seu repertório cheio de hits que incluem “Fuga”, “Beija Flor”, “Só Vitória” e “Jogo Virou”.


Elza_Soares_Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19Já o palco Sunset foi inaugurado pelos timbres potentes de Elza Soares. A combativa e resistente canção “A Carne” ganhou versão atualizada e foi entoada repetidas vezes. “Obrigada. Amo vocês. Amores da minha vida, sem vocês nada seria”, saudou o público, emocionada, a cantora e compositora estrela da Música Popular Brasileira.

Expectativa e Realização...
Diante do Espaço Favela encontramos mais artistas estudando o terreno. Questionados sobre a expectativa de tocar naquele espaço, daqui a uns dias, responderam: “A mil”, como não poderia deixar de ser. “Eu comprava a revista da Rock Press todo mês. Meu sonho era que a banda saísse na revista”, lembrou Cabeça, vocalista da banda Setor Bronx, em referência e agradecimento a entrevista da banda na Rock Press (LEIA: https://bit.ly/2m12NxF) que vai se apresentar no dia 28/09. Não demorou muito para que o espaço fosse ocupado pelo Grupo Nós do Morro, fazendo o clima ficar quente com uma mistura boa de samba, balé e muito funk. Terminaram a apresentação levantando os punhos cerrados ao som da introdução de “Capítulo 4, Versículo 3”,Rock_in_Rio_2019_Evento_teste_FOTO_Michael_Meneses_CREDITO_OBRIGATÓRIO_ 24_9_19 dos Racionais, provando que, além de mestres na dança, a companhia também dá aulas de representação social.

Por fim, a já tradicional queima de fogos do Palco Mundo finalizou os trabalhos do evento teste com um emocionante show pirotécnico. A experiência deixou no ar o sabor inconteste de que o evento é, sem dúvidas, uma incrível celebração de política, arte, cultura e entretenimento, repleta de lazer e boa música. Já apresentada, a Cidade do Rock agora segue apta a receber sete dias de erupção humana, regada a suor e lágrimas – de mais pura emoção. Afinal, vem aí, mais uma edição... do Rock in Rio. – Cadu Oliveira.

Tudo sobre o Rock in Rio leia em Rock Press: http://portalrockpress.com.br/rock-in-rio 

EQUIPE ROCK PRESS NO ROCK IN RIO: Michael Meneses, Cadu Oliveira, Robert Moura, Lorena Brand, Thamires Maciano e Agencia VER+ Fotografias

Portal Rock Press