UZÔMI – Sangue, Boêmia, e Puro Crossover! ENTREVISTA!

Se pararmos para pensar em bandas Ícones do underground no Rio de Janeiro ao longo dos anos, Uzômi_foto_divulgação_2020nomes importantes vão surgir, mas qualquer lista não será justa se não incluir Uzômi! A banda prepara um disco novo e em breve lança um documentário sobre seus 25 anos. Antes, fazem show no sábado (18/01), na Lona Cultural de Bangu/RJ no evento de aniversário da Porão Produções Undergrounds dividindo palco com as bandas Issos, Hexen Sabbat e Hierarchical Punishment de Santos/SP. Aproveitamos as novidades de 2020 para batermos um papo com Bin Laden na Coluna 1, 2, 3, 4... da Rock Press.

 

UZÔMI
Sangue, Boêmia, e Puro Crossover!

ENTREVISTA:
Michael Meneses
FOTOS:
Michael Meneses, Wagner Sancier e Divulgação!
Uzômi_foto_divulgação_2020

Com 25 anos de atividade e um nome que vai além dos palcos cariocas, atualmente a banda Uzômi é formada pelo folclórico Heron (foto) e o não menos performático Sales nos HERON_Uzômi_foto_divulgação_2020vocais, João Pinheiro e Bruno Moraes (ou simplesmente Bin Laden) nas guitarras, Bruno Borges no baixo e Erick Lorca na bateria. Juntos produzem a essência do Thrashcore/Crossover no Rio de Janeiro, afinal, eles não negam influências de Slayer, S.O.D, Napalm Death, D.R.I. e Ratos de Porão.
UZÔMI_Uzômi_2004
O primeiro registro da banda foi a demo-tape “Crau Puro” (1996), em seguida veio o EP “Uzômi” (1998). A essa altura, já eram conhecidos na cena, não apenas carioca, como nacional, e logo vieram os primeiros shows pelo circuito underground brasileiro. Também foram participando de coletâneas independentes que rodaram o país e o mundo, ajudando a divulgar o trabalho da banda pelo globo terrestre. Finalmente, no ano de 2004 lançaram seu primeiro álbum oficial (foto), que contou 13 músicas e um trabalho de arte do Donida (Matanza) para capa e encarte digno das melhores capas do ano.

O segundo disco veio em 2008, “Sangue, Sangue”, com 12 sons, o play colocou a banda em sua primeira tour pelo nordeste brasileiro e tempos depois, eles realizaram uma série de shows em solo europeu.UZÔMI_Heron_FOTO_MICHAEL_MENESES

O terceiro disco veio apenas em 2015, intitulado de “A Revolta do Boêmio”, o trabalho apresenta uma banda amadurecida, mesmo que no decorrer dos anos tenha passado por algumas mudanças de formação. Vale destacar que a faixa-título recebeu um videoclipe com produção da From Hellnesco Produções e direção e roteiro de Fabiano Soares e narra ao melhor estilo comédia pastelão a noite "rotineira" de um boêmio pelo Rio de Janeiro. ASSISTA AQUI!

Ousadia, Rebeldia, Insanidade...
UZÔMI_Sales_e_Heron_FOTO_MICHAEL_MENESESDuetos nunca foram novidades, especialmente na Música Pop e no RAP, no Brasil, duplas vocais ganham força no Samba e no Sertanejo. Porém, banda de Crossover com dois vocalistas em 1995 era algo raro, na época em termos de Rio de Janeiro, apenas Gangrena Gasosa e o Planet Hemp. O que também coloca Uzômi (ao lado dos citados), como pioneiro na arte de produzir crossover e ter dois vocais, uma atividade que fluiu bem nesses 25 anos, afinal, a soma das doidices performáticas de Heron e o sangue-frio ilustrado de Sales é um casamento que deu certo, e que em momento algum ofusca os demais músicos, que juntos são a típica banda que se transforma no palco, algo como o “Medico e o Monstro” em versão Hard-Core!UZÔMI_Na_Bacia_das_Almas_2020

As temáticas das letras exploram filmes de terror, zumbis e tosqueiras do gênero, o que ajuda a promover a essência da banda nos shows, afinal, nas apresentações do Uzômi, raramente tem bate-papo, é chegar, tocar e agitar!

Novidades...
Para 2020, a banda prepara seu novo disco já intitulado de "Na Bacia das Almas" (foto) e é atração do primeiro evento da Porão Produções Underground (serviço abaixo) do ano e um documentário sobre esses 25 anos de história está sendo produzido. Por conta disso tudo, entrevistamos Bruno Moraes, o popular Bin Laden na Coluna 1, 2, 3, 4...

1 – Michael Meneses/Rock Press - A banda segue a mais de 20 anos na correria e cheia de respeito no Underground nacional. No momento vocês trabalham em um novo disco. O que podemos esperar desse álbum?
UZOMI_Bin_Lader_FOTO_Wagner_SancierUzômi/Bin Laden:
Acreditamos que deve ser o nosso melhor trabalho até agora, soa clichê, mas é verdade. Nós estamos em uma boa sintonia no momento e isso acabou nos unindo mais e passando uma verdade que é só nossa para o álbum. Tivemos o privilégio de termos tempo à disposição e muita calma para gravarmos no estúdio Grindhouse do Bruno, nosso baixista. Apesar de ser uma colcha de retalhos devido algumas músicas serem do tempo do disco "A Revolta do Boêmio", outras criadas um pouco após e outras bem novas, nós pudemos pensar bastante em todas as estruturas e encaixes possíveis para todas elas. Então a galera que ouvir pode aguardar um som característico nosso, porém com uma qualidade melhor em termos criativos.

2 - Rock Press - Faz um tempo que um documentário sobre a banda estava sendo produzido. Como anda esse filme?
Bin Laden:
Foi cogitado isso a um tempo atrás pelo ex-batera e fundador da banda Vitor. Começamos a reunir material e esse ano devem começar as entrevistas com pessoas que de algum modo tiveram uma história ou algum momento com a banda. Talvez, até o final do ano ou em 2021 o doc estará pronto.

3 - Rock Press - A banda é atração do evento de aniversário da Porão Produções em Bangu. Sendo esse o primeiro show de 2020 da banda o que podemos esperar do show?
Bin Laden: Um set bem trabalhado e com inclusão de músicas novas. Agora temosUZOMI_Bin_Lader_FOTO_Wagner_Sancier o João na outra guitarra, então escolhemos músicas que seriam confortáveis para ele começar a nos acompanhar.

4 - Rock Press - Politicamente falando a cena rock anda se dividindo. O que a banda pensa a respeito?
Bin Laden: Eu particularmente tenho preguiça para pensar e discutir isso. O circuito em que tocamos já é pequeno e essas mentalidades de segregação não deveriam existir. Atualmente está bem chato viver dentro do circuito, sempre tem um "porém" sobre alguém. Ou é um fator político ou fator pessoal, lembro de um tempo remoto em que eventos que tocávamos davam algo entre 150 a 300 cabeças. Hoje por conta desses julgadores todos, se der 50 é lucro. Pensamentos pequenos e na contramão do que deveria ser...

5 - Rock Press - Falando em shows e em ano novo o que 2020 reserva para banda. Aproveite e deixe sua mensagem final aos leitores da Rock Press...
Bin Laden:
Esse ano tem álbum novo e estamos agendando a tour para divulgar o trabalho. Apesar de estarmos decrépitos e de saco cheio da vida, há uma crescente vontade de fazer as coisas acontecerem, já estamos naquela fase da vida do "foda-se” e, portanto, estamos satisfeitos com nosso trabalho na banda. No mais, muito obrigado pelo espaço e abraços a todos que estiverem consumindo essa leitura sadia. Um abraço, seus arrombados!

CONTATOS:
FACEBOOK:
 https://www.facebook.com/uzomicrossover/
REVERNATION: https://www.reverbnation.com/uzômi
BANDCAMP: https://uzomicrossover.bandcamp.com/
CONTATO/SHOWS: +55 21 99217-6192 / +55 21 98059-7470 ou E-MAIL: uzomicrossover@gmail.com / bandeiranegra87@gmail.com

UZÔMI – Atração no Fúria Underground na Zona Oeste carioca

O ano começou e mesmo que o Rio de Janeiro já esteja em ritmo de carnaval, o rock não para. Da zona sul ao subúrbio, ninguém pode reclamar que não tem show de Rock acontecendo na cidade, muita coisa está rolando na capital carioca, na Baixada Fluminense, no Grande-Rio e no Interior. Na Zona Oeste da cidade, um dos eventos será o Fúria Underground, evento que marca mais um ano de atividade da Porão Produções Underground, e que esse ano terá além do Uzômi, a banda santista Hierarchical Punishment, a Hexen Sabbat e a Issos. Conheça as bandas:

HIERARCHICAL PUNISHMENT – Oriunda de Santos/SP e apresentando um Death Grind com letras que sobre o cotidiano caótico do mundo, a banda está em atividade HIERARCHICAL_PUNISHMENT _NO_RIO_DE_JANEIRO_FOTO_DIVULGAÇÃOdesde 1994 e sua formação atual o vocalista Arthur Mendes (Hellforge, Nex Furor, Moments of Gore), nas guitarras Grell e Morto (No Sense), no baixo Alexandre Martins (FailJack e Age of Blood) e Luis Carlos, ou simplesmente Batata (Vulcano e Chemical Disaster) na bateria. O primeiro trabalho de estúdio foi em 1995 com a demo-tape “The Humanity Walks This Way”, e desde então, foram várias demo-tapes, coletâneas, splits, discos, e participações nos discos-tributos ao Vulcano e Agathocles e Sabbat. Seu registro mais recente é a coletânea “The Sound of Noise 4 (International Grindcore Compilation)” que saiu pelo selo português The Hills Are Dead Records, em 2018. No momento, a banda trabalha nos sons do próximo álbum com previsão de lançamento ainda para esse primeiro semestre de 2020. ACESSE! Hexensabbat_Tour_Brasil_2020

HEXENSABBAT - Celebrando 20 anos de atividade, essa banda veterana de Doom Metal da zona oeste carioca atualmente é formada por Du Vórtex (vocal), David Malkuth – guitarra e backing vocals), Phil Wolf (baixo) e Celio Jr. (bateria). O ano de 2020 promete para o Hexen Sabbat que tem confirmado uma série de shows pelo Brasil em cidades como Aracaju/SE, Lagarto/SE, Santos/SP. Ribeirão Preto/SP, com destaque para o Palco do Rock evento que que acontece em meio ao Carnaval Baiano. O produtor e baterista Celio Jr. conversou com a Rock Press sobre a banda e as iniciativas da Porão Produções nesta entrevista que publicamos já faz algum tempo, leia e conheça mais sobre sua luta. LEIA AQUI! 

ISSOS – ISSOS_Foto_DivulgaçãoRepresentando o sempre heróico Rock da Baixada Fluminense, a banda Issos é formada por Head (vocal), Thiago D e Kyo (guitarras), Jônatas (baixo) e Gafanhoto (bateria) e estão em atividade desde 2013. O nome da banda vem de um antigo termo grego ("ἴσος"), cujo significado se refere às palavras com o mesmo sentido ou iguais. As letras falam exploram diversos temas do cotidiano do mundo e pessoais. Confira a banda no clip para a música: “The Leader of Us”. AQUI! 

Prestigiem...
A Rock Press aproveita para parabenizar a Porão Produções Underground por mais um ano de atividade, e deixa a dica: compareçam ao evento, será a primeira iniciativa de rock autoral e de peso no subúrbio carioca nesse ano que só está começando. #RECOMENDAMOS! – Michael Meneses!

SERVIÇO:
Fúria Underground Rio de Janeiro BrasilFÚRIA UNDERGROUND 
SHOWS:
Uzomi + Hierarchical Punishment (Santos/SP) + Issos + Hexen Sabbat
DATA: Sábado, 18 de Janeiro de 2020, 18hs.
LOCAL:  Areninha de Hermeto Pascoal -Praça 1º de Maio S/Nº, Bangu – RJ/RJ. - (21) 3463-4945
INGRESSO ANTECIPADOS:
Nas Lojas:
UNDERGROUND ROCK WEAR -
Rua Fonseca box 95, Bangu - Ao lado do Shopping Bangu – RJ/RJ.
REQUIEM ROCK STORE - Galeria B Box 170 - (ao lado da Rodoviária)  - Campo Grande RJ/RJ.
No local: Areninha carioca Hermeto Pascoal (Lona de Bangu)
No site: https://bit.ly/376Khqs
EVENTO: https://bit.ly/2NyCN7J
CLASSIFICAÇÃO: 16 anos.
REALIZAÇÃO: Porão Produções Underground

Portal Rock Press