Sublime With Rome - O Show, e que SHOW!

Em noite de que misturou chuva e calor humano, publico carioca lotou o Espaço HUB-RJ na apresentação dos americanos Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOdo Sublime With Rome. A noite ainda contou com a grata surpresa da banda paulista La Raza fazendo o show de abertura, enquanto o antes de depois da festa foi animado por experientes DJs. ROCK PRESS marcou presença!

Sublime With Rome - O Show, e que SHOW!
HUB-RJ - Rio de Janeiro - 15 de Setembro de 2018
TEXTO: Alexandre Beckão – FOTOS: Carolina Moura

Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIO

No dia 20 de junho, postamos a matéria do retorno do Sublime With Rome ao Brasil. Uma boa dose de ansiedade foi injetada em minha mente, e passei a contar os dias. No último sábado a espera terminou, e em grande estilo, numa noite bacana onde o calor e a vibração do público carioca com certeza foram a cereja do bolo, apesar da ameaça de chuva bem no horário do show. Mas como a ansiedade tava mil, deixei isso quieto, e parti rumo ao destino. A HUB-RJ fica no bairro do Santo Cristo, no Centro/RJ, dentro de uma enorme área do antigo cais do porto, que foi revitalizada e reconstruída por conta da Copa do Mundo (Foi mal, lembrar disso!).

Foi minha primeira passagem pela casa, e gostei do que vi ao nível de infraestrutura. Banheiros e bares espalhados em diversos pontos do espaço, que conta com uma grande área externa. A casa está passando por uma reforma/ampliação, o que sempre causa um pouco de transtorno com a manutenção e limpeza, mas nada demais, pra quem tá acostumado com a noite carioca. Nos próximos meses teremos: Cypress Hill, Shamam, Pennywise, entre outros.

A iluminação estava boa, já o som teve leves deslizes, mas nada que comprometesse o evento. Vale parabenizar a performance dos DJs convidados em manter a Vibe do evento, os intervalos foram preenchidos com um som de boa qualidade. O DJ Rodrigo Ribeiro atacou com Rock Alternativo e Dance Rock, deixado a galera bem ligada para o que estava por vim. Depois veio o veterano, o grande DJ Nepal, que incendiou a pista com Ragga, Trap, Dancehall e Hip-Hop. Deixando o povo, mais que pronto e no clima para os donos da festa. Um salve especial a toda equipe da produção, que nos convidou e recebeu muito bem. Dito isso, vamos aos shows...

LA RAZA: La_Raza_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOA boa surpresa da noite foi a apresentação da banda paulistana La Raza. Formada por: Alex Panda (vocal), Thiago La_Raza_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOMatricardi (bateria), Rafael Bombeck (guitarra), Juninho (baixo) e DJ Daimon. Seu Rapcore com influência Nu Metal, agradou de boa aos presentes. Numa apresentação curta, eles conseguiram mandar o seu recado com muita força, disposição e habilidade, mesmo sendo quase desconhecidos ao público carioca. Tocaram músicas do álbum Bem Vindos a La Raza (2017), e alguns covers espertos pra atingir a cabeça e os pés da massa. Abriram com “Bem Vindos a La Raza”; seguida de “Barra Quem?”; Fizeram uma homenagem ao recém-falecido Mr. Catra, e atacaram com “Give It Away”, do Red Hot Chilli Peppers; Mais dois sons autorais “Na Contra Partida” e “O Bem”; para em seguida, uma versão esperta de “Queimado Tudo” do Planet Hemp; e fecharam com “Caos da Paz” e o porradeiro “Cai Dentro”, que arrancou aplausos da galera. No saldo final, ficou um show bacana de uma banda que tem peso e habilidade pra agradar de primeira. Vida Longa ao La Raza e que voltem mais!

SUBLIME WITH ROME: Nessa sétima vinda ao Brasil, os californianos (e quase locais!) do Sublime With Rome, já chegaram sabendo muito bem em como conquistar o Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOpúblico. Sem maiores rodeios dispararam sua coleção de Hits, e acertaram Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOem cheio nos anseios da massa que se espremeu na HUB-RJ. Começaram com “Date Rape” e a versão para “Smoke 2 Joints” do The Toyes, Hits do primeiro álbum 40 Oz. To Freedom (1992), com a galera cantando juntinho. Na sequência, “Wrong Way” do álbum Sublime (1996), só fez aumentar ainda mais a pressão. Depois de contar sua alegria em estar de volta, mandaram “Murdera” do Yours Truly (2011), foi a primeira da fase com Rome, e o público cantou junto. Em seguida teve a dobradinha “54-46” do Toots & The Maytals e “House Of Suffering” do Bad Brains já tradicionais no repertório dos caras, desde o tempo do saudoso Brad Nowell.

Lançado em julho o single “Wicked Heart” foi uma prévia do próximo disco, que deve sair até o fim do ano, e deu uma controlada na pressão. Já “You Better Listen” foi acompanhada em coro pelo público, e de uma pancadinha de chuva, que fez a massa se espremer ainda mais sob a área coberta. “Garden Grove” fez a pressão subir de novo. Depois veio “Take It Or Leave It”, e outra clássica “April 29, 1992” que fez a casa tremer, e não deixou ninguém ficar parado. 

Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIONessa altura do show, os seguranças começaram a ter mais trabalho em controlar a grade que separava as pistas. “Burritos” acendeu ainda mais a galera. E com “Panic” deu pra ter a noção de como estava cheio. “Early Man (Only Gonna Die)” do Bad Religion é outro cover das antigas e está sempre presente. “The Ballad Of Johnny Butt” do Secret Hate fez a galera respirar, e até Sublime_With_Rome_no_HUB_RJ_15_9_2018_FOTO_Carolina_Moura_CRÉDITO_OBRIGATÓRIOparou a chuva. Veio “Skankin To The Beat” do Fishbone foi a única do álbum Sirens de 2015 a ser executada. Outra dobradinha antiga e já famosa nos shows, “Badfish/Let's Go Get Stoned” foi muito bem recebida e teve corinho. Mas quando a luz apagou, e o DJ LD soltou o sampler de “Doin' Time” o clima foi lá em cima. O clássico mais que absoluto, foi cantado em uníssono por toda a casa. Já perto do fim, outra do primeiro álbum “Scarlet Begonias” clássico do Grateful Dead, cantada em uníssono com o público.

No bis, foi a vez do “What I Got” acompanhada pelo roadie de Rome ao violão, e a plateia juntinho no transe. Pra fechar seu MegaHit, e com certeza a mais esperada da noite “Santeria”, que contou com empolgação máxima do público. Depois dessa, até a chuva foi embora de vez, e ficamos nós a esperar já ansiosos pela próxima volta. Valeu, Eric, Rome, DJ LD, Carlos, e o excelente (porém) discreto Gabe (Teclados/Samplers/Sopro), obrigado pela noite sensacional! Long Life To Sublime With Rome!

Após o show, o comando da festa foi passado para a galera do projeto Arca de Noé, que trouxe o clima de festa Rave aos resistentes que ficaram até a luz do sol dar o ar de sua graça! - Alexandre Beckão.

Postado por Michael Meneses quarta-feira, 19 de setembro de 2018 13:53:00 Categories: Cypress Hill DJ Hard Core HUB-RJ La Raza Punk Rock Rock Shaman Show Sublime Sublime With Rome
Portal Rock Press