RED LIGHT GANG: 10 Anos do rockabilly da gang da luz vermelha! 

A Red Light Gang é uma banda paulista de rockabilly que bebe nas melhores fontes do rock´n´roll raiz. Johnny Cash, Elvis Red_Light_Gang_DIVULGAÇÃOPresley, Buck Owens, Lefty Frizzell, Trini Lopez são só algumas dessas influências. Formada por: Marcial (baixo acústico), Márcio Américo (vocal) Fábio McCoy (bateria), Ramis (violão) e Toro (guitarra), a banda comemora dez anos de existência no palco do Psycho Carnival 2019 em Curitiba/PR. A Rock Press entrevistou o vocalista Márcio Américo na Coluna 1, 2, 3, 4...

RED LIGHT GANG: 10 Anos do Rockabilly da Gang da Luz Vermelha!
Entrevista e fotos: Antonio Carlos Paes.

1 - ROCK PRESS / Antonio Carlos Paes: Vocês estão comemorando dez anos e são uma das atrações da edição de 20 anos de Psycho Carnival. Fale desse lance de ambas as comemorações, pois vocês já estiveram em edições anteriores. 
Red_Light_Gang_Márcio_Américo_FOTO_Antonio_Carlos_PaesRed Light Gang / Márcio Américo:
Começamos em 2009 e demoramos bastante para tocar no Psycho Carnival, na verdade a gente sempre achou que talvez nosso som não coubesse no festival. Acho que a evolução da banda ajudou a aparecer o primeiro convite em 2014, para o Curitiba Rock Festival e depois em 2017 para o line up do Psycho Carnival. Se eu pudesse usar uma palavra para traçar um paralelo entre o festival e a banda seria "evolução". Esperamos comemorar bastante este ano, e o Psycho Carnival é só o começo.

2 - ROCK PRESS / Antonio Carlos Paes: Fale sobre a Tour na Europa...
Márcio Américo:
Tocamos na Alemanha, França e Bélgica. Foram nove shows, começando pelo Walldorf Rock'n'Roll Red_Light_Gang_Arte_da_Capa_Por_Francisco Marcatti_JrWeekender. Está turnê foi para divulgação do nosso primeiro álbum "13" (Bad Habits Records) e serviu para conhecermos algo que não fazíamos idéia, uma experiência incrível. Em Berlim gravamos no estúdio Lightning Recorders algumas faixas que farão parte do nosso próximo disco (foto). Essas faixas foram regravadas no estúdio Navegantes, aqui na Serra da Cantareira em São Paulo.

3 - ROCK PRESS / Antonio Carlos Paes: Vocês estão preparando alguma novidade para esses dez anos de banda?
Márcio Américo: Sim! Esse ano lançaremos este disco que estava engavetado desde 2014. Será um EP com seis faixas, cinco desta leva da gravação de Berlim, porém gravada com uma nova formação da banda e com as músicas mais maturadas e uma nova gravação da música "I'm The Rat" que originalmente foi gravada pra o projeto Converse Rubber Tracks. Esse álbum sairá em vinil 12" pelo selo alemão Crazy Love Records. Ainda estamos decidindo se também sairá em CD (estamos procurando ajuda para lançarmos) ou se sairá somente nas plataformas digitais.Red_Light_Gang_Marciel_FOTO_Antonio_Carlos_Paes

4 - ROCK PRESS / Antonio Carlos Paes: Como tem sido o repertório da Red Light Gang nos shows?
Márcio Américo: Nosso set tem sido basicamente nosso primeiro disco, as músicas do disco novo e algumas versões. Falando de versões tocamos Conway Twitty, Jimmy Lloyd, Trini Lopez, e nos últimos shows temos tocado Sonics, Misfits e Ramones e nossas versões para The Smiths e Siouxsie and The Banshees, que saíram em coletâneas mexicanas.

5 - Red_Light Gang_Psycho_Carnival_2019ROCK PRESS / Antonio Carlos Paes: O que o público pode esperar para o show do Psycho Carnival?
Márcio Américo: Um set homogêneo, rápido, e que nós esperamos que agrade! Além disso, e principalmente o carisma e charme do Marcial (baixo acústico), o príncipe do Psychobilly.

CONTATO: https://bit.ly/2SzQ9QG

Saiba mais sobre o Psycho Carnival em: https://bit.ly/2tHO8bh

Portal Rock Press