Alter Bridge - “Blackbirds em uma Noite Pop-Rock!

Alter Bridge é um daqueles casos onde "Criatura supera o Criador". Escalados para a noite mais Pop-Rock, entre as noites de RockAlter Bridge no Rock In Rio FOTO: Eduardo Hollanda/Estacio do festival, a banda foi o diferencial de peso entre as atrações da quinta noite no Palco Mundo do Rock in Rio! 

 

Alter Bridge no Rock in Rio 2017: “Blackbirds em uma Noite Pop-Rock!
Texto por: Jonildo Dacyony
Fotos: Eduardo Hollanda/Estácio

 

Alter Bridge no Rock In Rio FOTO: Eduardo Hollanda/Estacio

Alter Bridge no Rock In Rio FOTO: Eduardo Hollanda/EstacioO Alter Bridge foi formado pelos músicos do Creed, Mark Tremonti (guitarra) e Scott Phillips (bateria), mais o ex-integrante da banda Brian Marshall (baixo) e Myles Kennedy, ex-vocalista do The Mayfield Four e famoso no Brasil pelo seu trabalho com Slash. A banda está em plena turnê de divulgação do seu último trabalho, o elogiadíssimo “The Last Hero”, tendo participado de importantes festivais europeus, como o Graspop Metal Meeting, na Bélgica e Rock Am Ring, na Alemanha, foi certamente uma das escolhas mais felizes para o line-up dessa edição do Rock In Rio. Porém, como aquela velha máxima que diz que não há bom sem defeito, o grupo da Flórida foi escalado para ser a primeira atração internacional da noite de 22 de setembro, que tinha o Bon Jovi como headliner, tocando após a banda pop mineira Jota Quest. Portanto, não fica difícil imaginar o porquê dessa pequena objeção em relação à escalação do Alter Bridge para esta noite.

A apresentação começou com alguns poucos minutos de atraso, a banda iniciou com “Come To Life”, seguida de “Addicted To Pain”, Alter Bridge no Rock In Rio FOTO: Eduardo Hollanda/Estacioindicando que faria um setlist idêntico ao que vem apresentando na atual turnê. Apesar da recepção um pouco fria de parte do público, por motivos pra lá de óbvios (a galera dessa noite estava mais na vibe pop rock e do Bom Jovi), a qualidade musical de Tremonti e Cia faz jus aos degraus que vêm galgando rapidamente.
A falta de resposta do público, a despeito do que disseram algumas pessoas, inclusive da imprensa especializada, não foi por conta da pouca movimentação que os músicos, acostumados aos públicos  europeus, têm no palco. Sem medo de pecar por insistência, tenho plena certeza que se deu mais pela falta de familiaridade com o repertório mesmo. Porém, os fãs de verdade que se encontravam na Cidade do Rock, não se decepcionaram, pois não faltaram canções como “Cry Of Achilles”, “Blackbird”, “Metalingus” e o encerramento ficou por conta com a excelente “Rise Today”.

Alter Bridge no Rock In Rio FOTO: Eduardo Hollanda/EstacioApesar de ter sido um set mais curto, em relação aos que vêm apresentando durante a turnê, não é exagero dizer que o show foi impecável, pela qualidade que a banda possui. Despediram-se prometendo voltar em breve. Esperamos que seja em um show solo, mas no caso de ser em grande festival, que sejam escalados para um dia mais adequado. - Jonildo Dacyony

Postado por Michael Meneses quinta-feira, 5 de outubro de 2017 17:45:00 Categories: Alter Bridge Bon Jovi Creed Graspop Metal Meeting Rock Am Ring Rock in Rio 2017 Slash The Mayfield Four
Portal Rock Press